27
Qui, Jun

Confraternização e alegria marcam o 4º encontro de coroinhas e acólitos da Região II

Vocacional

Evento aconteceu no último domingo, dia 13, em Osvaldo Cruz e reuniu 300 crianças, adolescentes e jovens. Neste ano, a edição do encontro homenageou São Domingos Sávio e refletiu sobre o seu testemunho.

Com a frase ‘Antes morrer do que pecar’, de São Domingos Sávio, a Região pastoral II, que compreende as paróquias dos municípios de Herculândia até Adamantina, concentrou 300 crianças e adolescentes na Associação Desportiva de Osvaldo Cruz, no último domingo, dia 13, para o 4º Encontro de Coroinhas e Acólitos.

Segundo o responsável pelo Serviço de Animação Vocacional – Pastoral Vocacional (SAV-PV) na região, padre Marcos Roberto Cesário da Silva, a iniciativa teve o objetivo de reunir, no mesmo ideal de confraternização e alegria, as crianças, adolescentes e jovens que, no cotidiano de suas paróquias, servem o altar do Senhor como coroinhas e acólitos.

“O exemplo de São Domingos Sávio nos ensina que, mesmo na infância e juventude, a santidade é possível”, disse o padre Marcos, retomando o exemplo de vida do santo homenageado no encontro e dirigindo-se aos coroinhas e acólitos para reforçar que aos sacramentos transformam o coração e as atitudes dos verdadeiros amigos de Jesus.

Com a participação das paróquias Senhor Bom Jesus de Arco-Íris, Sagrada Família de Lucélia, São José de Osvaldo Cruz, Imaculada Conceição de Mariápolis, Santa Luzia de Pracinha, Santo Antônio e Nossa Senhora de Fátima de Adamantina e São Pedro Apóstolo, São Judas Tadeu e São José Operário de Tupã, o encontro contou com músicas, teatro e reflexão sobre a vida do jovem seminarista, padroeiro dos cantores infantis, São Domingos Sávio.

A celebração da Missa foi o momento forte do dia, em sua homilia, o sacerdote falou da importância do ministério das crianças e jovens para Deus e para a vida da Igreja. O religioso também frisou que o testemunho de alegria e a vida de oração devem sempre falar mais alto nas atitudes de todos os acólitos e coroinhas. “Vocês têm a responsabilidade de zelar por Jesus Cristo e também de buscar, cada vez mais, a intimidade e o amor com Ele”.

Além da participação dos assessores paroquiais, seminaristas e religiosas que acompanham o trabalho com os coroinhas e acólitos, o encontro ainda contou com a presença dos padres Domingos de Jesus, de Mariápolis, e Rui Rodrigues, de Adamantina e do diácono Murilo Dias.

coroinhasregiaoii02

EXORTAÇÃO APOSTÓLICA PÓS-SINODAL CHRISTUS VIVIT
clique para baixar
Exortação Apostólica “Gaudete et Exsultate: chamado à santidade”
Exortação Apostólica “Gaudete et Exsultate: chamado à santidade” é lançada pelo papa
Área de arquivos
Materiais disponibilizados pela Diocese e pelas pastorais

edicao250