20
Seg, Ago

Semana de Oração pela Unidade Cristã acontece em Marília

Pastorais, movimentos e serviços

A Diocese de Marília, pelo seu segundo ano consecutivo, prepara atividades ecumênicas. Este ano de 2018, será celebrado, de modo intenso, a Semana de Oração pela Unidade Cristã. As atividades terão início dia 14 de maio, com a abertura na Catedral São Bento e, encerramento, dia 19 de maio, na Igreja Luterana.

Por Pe. Willians Roque de Brito

ecumenismo semanadeunidadecrista3Desde o ano de 1968, a Igreja Católica tem preparado, em conjunto com outras comunidades cristãs, materiais para celebração para suplicar a Deus a unidade dos cristãos que, atualmente, representam aproximadamente 2 bilhões de pessoas em todo o mundo. Isto significa, que este ano faz 50 anos que a Igreja Católica ingressou nesse esforço multilateral que, teve seu início, há 110 anos, por estímulos do Rev. Paul Watson, com a Primeira Oitava de Oração pela Unidade Cristã.

A cada ano, um grupo diferente prepara o material, que é adotado pelas Igrejas e Comunidades Eclesiais do mundo todo. Neste ano, o material foi preparado pela equipe ecumênica do Caribe. Segundo consta no site do CONIC, “Caribe, nome de origem indígena, do povo Kalinago, é uma vasta extensão geográfica que inclui ilhas e territórios continentais, com uma rica e variada coleção de tradições étnicas, linguísticas e religiosas. É também uma região que possui complexa realidade política, com uma variedade de organizações governamentais, incluindo desde territórios coloniais (ingleses, holandeses, franceses e americanos) até nações republicanas”.

O tema escolhido por eles é: “A mão de Deus nos une e Liberta” (cf. Ex 15,1-21). Com o tema, querem recuperar a defesa e a reflexão de tantos indígenas e negros que foram massacrados na história da região. Muitas vezes, ou quase sempre, massacrados por povos estrangeiros com o auxílio, inclusive, dos evangelizadores. Porém, se a bíblia foi símbolo de opressão, em determinada ocasião, também se tornou símbolo de resistência e busca pela liberdade. A história do Povo de Deus, na bíblia, motivou a luta dos povos do Caribe. Assim como o povo é libertado do êxodo pela união e pela confiança em Deus, também o mesmo itinerário é proposto para todos os povos. Uma conquista do espaço e da dignidade pela união, consciência e pelo perdão aos inimigos. Portanto, a recuperação do espaço não se deve dar pela força, mas pela via da superação da violência.

Em nossa diocese há, atualmente, a existência de um grupo de pessoas empenhadas nesse diálogo e na promoção do bem comum. Tendo retomado as atividades ecumênicas em setembro de 2017, o Pe Willians Roque de Brito, assessor Diocesano para o Ecumenismo, tem se reunido frequentemente com o casal Laffayette e Sandra Pozzoli, Agnaldo e a Pa. (pastora) Paula Trein, da Igreja de Confissão Luterana. Além desse grupo, a iniciativa tem contado com o apoio dos Marianistas de Marília. Segue abaixo a programação preparada e aberta para todo o público:

ecumenismo semanadeunidadecrista2

 

Exortação Apostólica “Gaudete et Exsultate: chamado à santidade”
Exortação Apostólica “Gaudete et Exsultate: chamado à santidade” é lançada pelo papa
Ano Nacional do Laicato
Notícias do Ano do Laicato
Área de arquivos
Materiais disponibilizados pela Diocese e pelas pastorais