18
Dom, Nov

Cemitérios da Diocese recebem ação evangelizadora

Notícias da Diocese

No dia de Finados, seminaristas e candidatos ao diaconato permanente realizaram a bênção dos túmulos e acolhimento aos familiares em cemitérios da Diocese. A ação emocionou fiéis que visitavam as sepulturas para homenagear amigos e familiares falecidos.

diocese diadefinados2

Ser uma presença de esperança e conforto: este foi o objetivo de seminaristas da Diocese de Marília e alunos da Escola Diaconal São Lourenço no último dia 02 de novembro, data em que a Igreja celebra a memória dos fiéis defuntos. Às vésperas da abertura do Ano Vocacional na Diocese, cerca de 30 missionários levaram a Palavra de Deus aos cemitérios de Arco-Íris, Marília, Oriente e Parnaso.

Para a realização da ação evangelizadora, os seminaristas e candidatos ao diaconato permanente ficaram à disposição das famílias para conversar, rezar pelos falecidos e abençoar as sepulturas. Ocorreu também a entrega de panfletos sobre o sentido cristão da visita ao cemitério e da oração pelos mortos.

diocese diadefinados3

Em Marília, a ação aconteceu no Cemitério da Saudade, o maior e mais antigo da cidade. Os missionários realizaram a evangelização após cada uma das cinco missas celebradas na Capela Ecumêmica. Segundo a administração do Cemitério, cerca de 15 mil pessoas passaram pelo local para homenagear seus entes queridos. Centenas de fiéis conduziram os missionários até os túmulos para a bênção e prece pelos falecidos.

“Hoje vejo como pequenos gestos fazem a diferença na vida dos irmãos que perderam seus entes queridos. Senti a alegria de ser discípulo missionário nas situações periféricas da vida, como nos pede o Papa Francisco”, disse o seminarista Vitor Hugo Pinheiro, do quarto ano de Teologia.

Já em Oriente, Arco-Íris e Parnaso, a ação evangelizadora aconteceu após missas celebradas nas igrejas. Durante todo o período da manhã, seminaristas percorreram as alamedas dos cemitérios rezando com os fiéis e abençoando as sepulturas. Assim como em Marília, houve muitas partilhas e grande emoção por parte dos fiéis que rezaram di-ante dos túmulos de seus amigos e familiares.

Segundo João Victor Fransoia Bonzanini, seminarista do terceiro ano de Teologia, apesar do sol e do calor intenso, o povo compareceu ao cemitério para homenagear e rezar pelos defuntos. “Pudemos participar desse momento de esperança na vida dos fiéis, acolhendo diversas partilhas sobre a experiência de cada um com a morte, sob a perspectiva da fé. Foi emocionante participar, concretamente, como Igreja, desse momento de fé e esperança”, afirmou.

Para os que visitaram o cemitério e se encontraram com os missionários, a ação chamou a atenção e foi avaliada positivamente. “Para mim, minha família e para todos que estavam no cemitério, foi uma novidade muito linda. Mesmo debaixo de um sol escaldante, os seminaristas se empenharam e nos transmitiram uma paz bastante profun-da e muito carinho. Eu e minha família gostamos da iniciativa e ficamos felizes com as orações e bênçãos aos nossos entes queridos”, afirmou Elaine Cristina Caffer, de Orien-te.

Em Marília, Dom Luiz Antonio Cipolini, bispo diocesano de Marília, celebrou Missa às 8h30 no Cemitério da Saudade. Ao término da celebração, ele convidou os presentes a rezarem por todas as vocações, a fim de que sejam sinais da presença de Deus na Igreja e na sociedade.

De acordo com Danilo Cordeiro Silva, seminarista do quarto ano de Teologia, todos os missionários saíram bastante impressionados com a recepção das pessoas e as experiências que foram partilhadas. “Foi, de fato, uma ocasião privilegiada para levar o Evangelho e ser presença de esperança entre aqueles que sofrem a perda e a separação. Ao longo do dia, pudemos tocar a dor destes nossos irmãos e recordar que a esperança não decepciona. Nosso maior objetivo foi oferecer um abraço, uma prece e aquela Palavra consoladora de Nosso Senhor: ‘Quem vive e crê em mim jamais morrerá’”, avaliou.

Texto enviado pelo Seminarista Danilo Cordeiro

Exortação Apostólica “Gaudete et Exsultate: chamado à santidade”
Exortação Apostólica “Gaudete et Exsultate: chamado à santidade” é lançada pelo papa
Área de arquivos
Materiais disponibilizados pela Diocese e pelas pastorais