17
Sab, Abr

Nossa 40ª Assembleia Diocesana

Mensagens do Bispo

Caros irmãos e irmãs, celebramos hoje, com grande alegria, nossa 40ª Assembleia Diocesana! Estamos reunidos como Família de Deus! Viemos de nossas 37 cidades, 3 Regiões Pastorais, 62 Paróquias, uma Pró-Paróquia, Pastorais e Movimentos. Queremos celebrar a vida, o carisma, a presença e o trabalho de nossos Irmãos e Irmãs Consagrados na Diocese de Marília.

No Evangelho, Jesus nos apresenta uma tentação: O desejo de ser dono, de apoderar-se da ação salvadora de Deus. É o discípulo João quem, desta vez, representa os discípulos dizendo: "Mestre, vimos alguém expulsando demônios em teu nome e o impedimos, porque não nos seguia" (Mc 9,38). Essa é uma atitude que revela o grau de imaturidade demonstrado pelos discípulos. Jesus, que veio ao mundo para salvar a todos, procura abrir os horizontes de João, dos discípulos e de todos nós respondendo: "Não o impeçais... Quem não é contra nós é a nosso favor" (Mc 9, 39-40).

Jesus ensina que a ação misericordiosa de Deus supera tudo e age nos corações das pessoas. O que agrada a Deus é agir com a consciência reta, justa e verdadeira. Ele atua superando todos os limites. Quando olhamos com o olhar da fé, banimos todo tipo de fanatismo, que fecha os horizontes. Não se pode fazer uso do nome de Deus ou da religião para satisfazer interesses pessoais ou para disputas de poder. Essa atitude seria escândalo para os pequeninos (Jo 9,42), que olham para nós, cristãos, esperando verdadeiro testemunho de fé e de amor. Para superar o fanatismo e a desunião, é preciso viver a "mística do encontro". O encontro com Jesus Cristo e o encontro entre nós. Desenvolver "a capacidade de ouvir atentamente as outras pessoas; a capacidade de procurar, juntos, o caminho" (Carta Apostólica Às Pessoas Consagradas I,2).

Este caminho em comum foi proposto para nós na Assembleia de 2013, em nosso Primeiro Plano Diocesano de Pastoral. Por isso, meu apelo a todos: Clero, Religiosos, Religiosas, Leigos, Leigas, Seminaristas e a todo o Povo de Deus da Diocese de Marília é que retomemos o nosso Plano Diocesano. Muito já foi feito: Projeto Santas Missões em várias paróquias; Projeto Paróquia Irmã; Encaminhamento do Diaconato Permanente com a Escola São Lourenço; Fortalecimento de várias pastorais; A inserção de uma Catequese de Adultos, Primeira Comunhão, Crisma numa perspectiva catecumenal, e tantos outros projetos. Mas ainda temos muito a fazer.

Às vezes nos sentimos cansados e desanimados. Sofremos a tentação do fechamento, do fanatismo, do espírito de indiferença e preguiça. Olhamos o muito que se tem para fazer, e como somos poucos. Mas, unidos a Jesus Cristo somos encorajados a segui-Lo de perto, cada um de nós colocando nossos dons e carismas a serviço da comunidade na Igreja Diocesana. Peço ao Senhor que todos nós possamos nos sentir impulsionados por seu amor (2 Cor 5,14) para podermos dizer com São Paulo: "Ai de mim, se eu não anunciar o evangelho!" (1 Cor 9,16). Que Maria, a Mãe do Senhor, que experimentou de modo particular, o sofrimento no seu coração (Lc 2,35), nos acompanhe e sustente no cansaço cotidiano e nos alcance a graça da audácia evangelizadora, da mística do encontro e do zelo apostólico.

Peço a todos que rezem por mim.

EXORTAÇÃO APOSTÓLICA PÓS-SINODAL CHRISTUS VIVIT
clique para baixar
Exortação Apostólica “Gaudete et Exsultate: chamado à santidade”
Exortação Apostólica “Gaudete et Exsultate: chamado à santidade” é lançada pelo papa
Área de arquivos
Materiais disponibilizados pela Diocese e pelas pastorais

capa266